4 de mai de 2012

FUNCIONAR PARA QUÊ?

Em setembro do ano passado, a Justiça do Trabalho interditou o prédio da Superintendência do Trabalho em Porto Velho. Uma ironia e tanto. Oito meses depois, o prédio continua fechado - desconheço se há previsão de retorno. Quem precisa do serviço mais básico oferecido pela superintendência - a emissão da Carteira de Trabalho, tem que encarar uma fila (claro!) e brigar por uma das 35 senhas distribuídas a partir das 7h, no Shopping Cidadão.
O que há de errado por aqui? Há oito meses ninguém conseguiu resolver essa situação. E o povo que se dane.

Nenhum comentário: