30 de dez de 2011

EM 2012 EU NÃO ACREDITO

Não acredito que vai acontecer em 2012: A inauguração do CPA, a apresentação da peça de estreia do teatro de Porto Velho, da inauguração da ponte sobre o rio Madeira e a conclusão das obras dos viadutos. O que não espero mesmo: o fim da corrupção, a adoção do "ficha limpa", da ligação terrestre Porto Velho-Manaus, o asfaltamento da BR-429, na saida de Guajará-Mirim da letargia. Pronto, falei

28 de dez de 2011

CENAS DA CIDADE

Antenado
O que eles carregam na moto (Foto JCarlos)

SINGELO

Chapéuzinho de sapo mais bunitim que já vi. (Foto JGomes)

ABELHAS FERROVIÁRIAS


Mais uma novidade nas obras de restauração da Madeira-Mamoré. Foram encontrados oito enxames em meio às ruinas das oficinas e rotunda. As abelhas foram enviadas para o sítio de um apicultor de Candeias do Jamari. (Fotos Cléris Muniz/Imagem News)

IRRESPONSÁVEL

Em terra onde não há fiscalização de nada, você se depara com coisas assim. O caminhão, placas NCA 7950, com adesivo nas portas do "Disk-Caçamba", trafegava na Avenida Migrantes com a caçamba solta sobre a carroceria. Em um quebra-molas da Avenida Migrantes, quase que a caçamba despenca sobre meu carro e sobre um Fiat que estava ao lado. Liguei para os números que estavam informados nas portas, mas só dá sinal de ocupado.Não pergunto cadê a polícia de trânsito e cadê a Semtran, por que já sei a resposta (Fotos JCarlos)

27 de dez de 2011

CORRENDO RISCO

Hoje quase me envolvo, duas vezes, em acidentes com motocicletas. Pela manhã um mototaxista (licença 0945), não sabia para onde estava indo. Atravessou duas vezes a minha frente, mudando de faixa sem sinalizar. No horário do almoço o cara pilotava a moto usando uma só mão, carregando uma sacola na outra mão. Quase perdeo o equilíbrio quando fazia a curva, saindo da avenida Migrantes e entrando na Guaporé.

A "MONSTRA" DO YORKSHIRE

Em meio ao noticiário sobre crianças mortas por balas perdidas nos braços das mães, do nascimento de um bebê de duas cabeças- na cidade não há equipamento para exames de ultrassonografia – e muitas crianças abandonadas recém-nascidas, o Brasil se estarrece pela violência com que uma enfermeira aparece espancando um cãozinho da raça Yorkshire. Algumas cenas, gravadas por vizinhos, acontecem na frente de uma criança de pouca idade, tres anos talvez. O ápice da violência é a cena em que o cachorrinho aparece morto no jardim do prédio, depois de ter sido arremessado do alto do edifício. Há poucos meses, dois jovens jogaram álcool em um cachorro, atearam fogo, filmaram a selvageria e colocaram na internet. O filme foi visto por milhares de pessoas. Alguns apresentadores de televisão, sem qualquer noção, reproduziram o vídeo em seus programas, inclusive em Rondônia.
Tudo isso leva a acreditar que o ser humano está, a cada dia mais, perdendo toda e qualquer referência do que é ter bom senso. É o sinal inequívoco que o fim dos tempos está à nossa porta. E que venha rápido, antes que nós mesmos acabemos conosco. (Crônica publicada no Diário da Amazônia 25/12/2011)

FALTA DE RESPEITO

Reproduzo nota publicada no ex-blog do César Maia, pelo absurdo da situação:
PREFEITURA DO RIO: CLÍNICA DA FAMÍLIA RECEITOU CHÁ DE BROTO DE GOIABA!

"(BW) 1. Somos idosos. Uma consulta que já havia sido reprogramada para o dia 21/12, foi mais uma vez transferida para outro dia, depois de termos ido à Clínica da Família Deolindo Couto, nas Pedrinhas, em Santa Cruz. Os funcionários informaram que já havia ultrapassado o número de pacientes a serem atendidos, e que só atendem 11 pacientes.
2. Quando precisei de um atendimento na mesma clínica, queixando-me de uma disenteria e desidratação, a pessoa que se dizia enfermeira me atendeu como médico, e me receitou chá de broto de goiaba. São assim essas tais OSs."

DE QUEM É A CULPA?

Os prefeitos de cidades atingidas pelas águas das chuvas, geralmente são xingados à exaustão. Mas a culpa não é só deles. Nas fotos do Jota Gomes, a força das águas de um igarapé no bairro Triângulo e a sujeira que as pessoas jogam nas ruas, que entopem bueiros e faz com que as águas entrem nas casas.


26 de dez de 2011

CENTENÁRIO DA ESTRADA DE FERRO MADEIRA-MAMORÉ

Sugiro a leitura do artigo "2012 Centenário da Estrada de Ferro Madeira Mamoré ", do professor Aleks Paliot, publicada no blog Trilhando a História. Uma boa leitura. (Foto Arquivo SAE)

PESAR

Lamento o falecimento do Isaac Bennesby. O conheci pouco depois de eu ter chegado a Rondônia. Isaac era, para mim, o símbolo de Guajará-Mirim e ele foi punido por isso, ao asfaltar a BR-425 com recursos da prefeitura, para tirar seus munícipes do isolamento na época do inverno amazônico, teve que devolver o dinheiro tirado do seu próprio bolso.
Uma reclamação do Isaac é que as pessoas de Porto Velho iam a Guajará-Mirim e nem gastavam dinheiro com um cafézinho, sequer. "Vão gastar tudo no 'outro lado', não deixam um centavo aqui para nós". Em outra ocasião, no governo do Osvaldo Piana, um grupo de jornalistas foi convidado a acompanhar o governador em evento na "Pérola do Mamoré". Após as solenidades atravessamos para "La Banda" e fomos às compras. Um colega, após escolher um monte de tranqueira foi pagar com cheque do Beron (Banco do Estado de Rondônia, para quem não lembra). O boliviano recusou o pagamento aos gritos:
- Cheque de trenzinho, no! De trenzinho, no! (Havia a foto de uma locomotiva, em marca d'água, nas folhas dos cheques)
Isaac Bennesby estava junto com o grupo e falou ao comerciante:
- Pode receber, pode receber...
- Mas, Don Isaac, é cheque do trenzinho...
- Pode receber, eu garanto. E tudo acabou bem.
À familia do Don Isaac, o meu abraço. Guajará-Mirim perdeu um grande homem. Um defensor do município.

25 de dez de 2011

À ANTIGA

Minha cunhada foi comprar vestidos para o natal e para a passagem de ano. Entrou na loja Avenida do Shopping e viu uma roupa que a agradou vestida no manequim. - Moça você pode pegar para mim um vestido igual a aquele? Tamanho X. - Tu vai comprar? - Se ficar bom em mim, vou sim. - Mas tu vai comprar? - Preciso ver se fica bem em mim... - Mas tu vai levar? - Olha, pega este vestido e ...
Na Avenida Jatuarana com Tancredo Neves, a outra cunhada foi comprar peixe e pediu o seu Menino para cortar em postas. - Eu não corto nada, não. Se quiser, leve o peixe inteiro. - Então eu não levo. É o tal de espírito de natal foi substituido pelo espírito de porco. Vale o velho bordão: "Acorda, Porto Velho!"

23 de dez de 2011

É SÓ RELAXAR

Queimada urbana na avenida Pinheiro Machado, à altura do número 5.800. Não sei se vale a pena denunciar. (Foto JCarlos)

EXPLICADO

É por isso que ele dá aquela risada forçada: "Ho, ho, ho..."
É a dor... (Foto JCarlos)

FOTO COM MENSAGEM SUBLIMINAR

Governador Confúcio Moura avalia primeiro ano de governo. (Foto Eliênio Nascimento - DA/Imagem News)

MARCO ANTÔNIO NO PAPO NEWS

Com um currículo de variadas atividades, o professor - como gosto de chamá-lo - Marco Antônio de Faria é o convidado do jornalista Sérgio Mello no programa Papo News, que será exibido logo mais às 10 hs, desta sexta-feira, 23, na Record News, canal 58 e no sábado, às 11hs30, na TV Candelária, canal 11, com transmissão via satélite para todo o Estado, com apoio da Santo Antônio Energia.
Ex-delegado da Polícia Federal, juiz aposentado do Tribunal de Justiça do Estado de Rondônia, ex-secretário de estado adjunto da educação, e diretor geral da FATEC. Foi pioneiro do ensino superior particular em Rondônia, sendo autor dos projetos de implantação da FARO e da Universidade Estadual. São muitas histórias. Não perca.  (Foto Divulgação) 

22 de dez de 2011

RONDÔNIA BALZAQUIANA

Há 30 anos o general João Batista de Figueiredo, presidente da República, assinava decreto criando o Estado de Rondônia. A notícia, lida no programa "A Voz do Brasil" levou a populaçã, em festa, para as ruas de Porto Velho e Guajará-Mirim.
Apesar dos avanços, ainda há muito para fazer, especialmente termos uma tradição política que se baseie em ideologias e não em usar cargos para proveito próprio e dos amigos.
Amém.

DÍZIMO

O fiel estacionou o carro em frente à Igreja de São Cristóvão, protetor dos motoristas e vejam o que aconteceu.

Explicação: O santo é protetor dos motoristas e não guardador de carros. (Foto Cléris Muniz/Imagem News)

RÁBULA

Há advogados espertos demais e há outros que ninguém sabe a que vieram. Neste segundo caso está o autou de uma petição que termina assim: "(...) que a empresa providencie a indenização QUE ENTENDER ser de direito do requerente".
Se a empresa entender que a indenização seja R$ 0,01, está resolvido.

21 de dez de 2011

O JEITO É...

A Polícia Federal já considera o, ainda, deputado Valter Araújo foragido. Piada pronta: Se o Habeas Corpus foi revogado na noite de segunda, nem eu que sou bobo ficaria esperando os 'hómi'.

PARTIDO ALTO

Colegas, que lanchavam na copa da empresa, chamaram-me para saber quem são os candidatos a prefeito de Porto Velho e a chance de cada um. Fiz um exercício de futurologia e disse que ainda é muita cedo para saber quem tem mais chances. Disse ainda que uma pesquisa qualitativa encomendada há poucos meses apontou a tendência do eleitor em votar em candidatos "gestores". Alguns donos de partidos confundiram a palavra "gestor" com a palavra "empresário" e já lançaram quatro candidatos-empresários.
Foi a í que a conversa tomou outro rumo. "Se é assim, podiámos lançar um candidato". Respondi na lata, "só se for do PD"
- PD?
- Partido Dasuzina.

20 de dez de 2011

PIADA INFAME

Jesus disse aos apóstolos:

- Irmãos, y = ax²+bx + c ...

Os apóstolos, confusos, responderam:

- Mas Senhor, o que é isso?

E Jesus disse:

- Apenas uma parábola.
(via @revistaselecoes )

DESAFIANDO O RIO-MAR

Calma, o título da postagem nada tem a ver com o imbróglio da Universidade Federal de Rondônia e a Fundação Rio Madeira (Riomar).
Desafiando o Rio-Mar é um projeto do coronel da reserva do Exército Hiram Reis e Silva, que resolveu explorar os rios da Amazônia de caiaque, entrevistando os ribeirinhos e contando a história das localidades pelas quais passa.
O coronel Hiram está em Porto Velho e deve seguir viagem nesta quinta-feira, 22, rumo a Santarém (PA). As viagens podem ser acompanhadas pelo blog Desafiando o Rio-Mar e um livro já foi editado pelas experiências no norte do país. (Ilustração Blog Desafiando o Rio-Mar)

18 de dez de 2011

LEITURA RECOMENDADA

Será lançado dia 22, quinta-feira o delicioso "Farinha Pouca, Meu Pirão Primeio - À Mesa Com Os Ribeirinhos". O livro tem receitas e explica para quem chega agora na nossa cidade o significado dos nossos comes & bebes tradicionais. O livro é organizado pelas professoras Nair Gurgel, Neuza Tezzari, Iracema Gabler e Glorinha Valladares. As receitas foram recolhidas no beradão por alunos da Unir e é editado pela Edufro e Pedro e João Editores.
A única ressalva é quanto a diagramação. Alguns textos foram impressos sobre fotos e fica quase impossível a leitura, mas mantenho a recomendação de leitura.

ILUSÃO DE ÓTICA

Aguardava a Mar, distraído lendo os twiteres, quando vi dois - isto mesmo, dois - policiais de trânsito em patrulha no centro de Porto Velho. Para ninguém chamar-me de mentiroso, fiz a foto pelo espelho retrovisor. (Notem o detalhe do adesivo do nosso carro. #Orgulho) (Foto JCarlos)

PECADO

Mesmo que o livro seja ruim, não merece o lixo. Sempre há alguem querendo ler algo. (Foto JCarlos)

15 de dez de 2011

NÃO SÓ OS VÂNDALOS

Na semana passada o secretário de Meio Ambiente da Prefeitura de Porto Velho, meu xará José Carlos Gadelha, protestou, com razão, contra imbecis que quebraram mudas de árvores plantadas nos canteiros centrais da avenida Jorge Teixeira. Mas os vândalos não são os únicos culpados. Esta plantinha da foto, foi plantada em frente ao colégio Tiradentes, na Avenida Migrantes, mas não foi amarrada à estaca e vergou pelo peso e pelo calor. (Foto JCarlos)

SAINDO PELO PACÍFICO

O amigo Gustavo Almeida, da IMMA - Indústria Metal Mecânica da Amazônia, retornou de uma viagem à costa do Pacífico. Ele foi verificar se é possível exportar peças hidromecânicas, a ser fabricadas, pela Interoceânica, saindo de Porto Velho e embarcando em navios em Ilo ou Matarani, no oeste do continente. Deixo com ele a avaliação: "A viagem foi excelente. A estrada esta 95% pronta. Os equipamentos da IMMA chegam tranquilamente ao Pacifico. A estrada impressiona pela qualidade. Já percebemos grande movimento graneleiro e de outros tipos de transporte".
Abaixo, a pose do Gustavo. (O fotógrafo não foi identificado.)

À FLOR DA PELE

Parei o carro para atender ao celular. Depois me virei para anotar o número de telefone que me passavam, quando um menino de rua bateu no vidro da janela para pedir dinheiro pelo "estacionamento". O susto foi grande.

14 de dez de 2011

13 de dez de 2011

PREMEDITANDO O BREQUE

Sem querer exercer ilegalmente a profissão de futurólogo, de clarividente, mas aproveitando a época em que a Imprensa tupiniquim abre espaço para que pais-de-santo, profetas, astrólogos, ciganos, videntes e etc., dêem palpites sobre o que acontecerá no futuro, vou dar meu pitaco, também:
A Polícia Militar de Rondônia vai parar de novo pouco antes do carnaval de 2012.
Anota aí. Quem conhece o passado sabe do futuro.

11 de dez de 2011

IVAN, DE ONDE MESMO?

O gerente-garoto-propaganda Ivan "A gente faz tudo para você sair com seu carro zero" Rocha, deixou a concessionária Saga, da Volkswagen e foi vender carro francês ("A gente faz tudo para você sair com seu carro importado"?). Virtual pré-candidato cassolista a prefeito de Porto Velho, assunto que ele sempre negou, agora vai recomeçar tudo. É o mercado. E a política? (Ilustração Gente de Opinião)

PIQUETE

Ao contrário do que eu imaginava, não são as esposas dos policiais que fazem piquete no portão do 5º Batalhão da Polícia Militar, em Porto Velho. Vi um grupo de homens. Como estava dirigindo, não pude fotografar. Foi bom, pois soube que alguém parou o carro e gritou "vão trabalhar" e levou tiros.
Já contei aqui minhas experiências como repórter do Alto Madeira, cobrindo a primeira greve da PM, quando quase levei umas porradas dos grevistas. Vou assuntar de longe.

10 de dez de 2011

SOLUÇÃO

Em Rondônia vivemos hoje em mundos paralelos. Todos em crise. A política partidária aplicada à administração pública, com a "greve" da PM, os constantes e sucessivos escândalos envolvendo autoridades públicas e empresários, o superfaturamento de obras (que poderia entrar no item anterior, mas preferi destacar), que ficam inacabadas. Tudo isso provoca na população, além da indignação, a sensação real de impotência.
Trocam-se secretários, publicam-se notas oficiais, a PF faz operações com nomes estrambólicos e, pouco depois, tudo volta ao que era antes, num triste e interminável círculo vicioso e viciado.
A solução é aquela sugerida, há semanas, pela colunista Ruth Aquino (Revista Época 705/2011) e que poderíamos adotar aqui, se achássemos o homem certo: Vamos "Beltramizar" Rondônia!

2 de dez de 2011

MEDO DE AVIÃO

Na viagem de ida para Brasília, nas poltronas atrás de mim, ouvi uma mulher dizer à outra, logo que o avião começou a ser empurrado para a pista de taxi:
- Estou com medo. Vou ficar de olhos fechados.
A outra respondeu: "Ainda não. Não saimos do chão!
Lembrei de uma piada antiga, dos meus tempos de menino. O cara vai viajar de avião pela primeira vez. Vai acompanhado do compadre. Entra, senta-se e fecha os olhos. Quando o piloto acelera os motores para aquecê-los, o cara vai abrindo os olhos devagarinho e olha pela janela: - Bem que disseram que a gente vê as pessoas do tamanho de uma formiguinha...
- E são formiguinhas. O avião ainda não decolou!

EXPLICÁVEL

Encontrei no aeroporto de Brasília um ex-colega, que há anos não nos viámos. Ele ficara hospedado no tradicional Hotel Nacional, do Grupo Canhedo (leia-se VASP) e foi surpreendido ao fazer o checkout. Lá só recebem pagamento em espécie: nada de cartões ou cheques. O cara teve que ir a um terminal e retirar dinheiro para pagar a conta.
Ele me conou e disse que não entendia, "um hotel deste tamanho..., etc. e tal". Eu só respondi: - Já ouviu falar em arresto?
- É, não tinha pensado nisso...

1 de dez de 2011

DAS SOMBRAS

Através das investigações da Operação Termópilas, cujos detalhes vazam intensamente para a Imprensa caripuna, é possível verificar que pessoas que todos pensavam estar no ostracismo por opção própria ou por vontade dos eleitores, agiam a partir das sombras, operando através de títeres, marionetes, eles fazem indicações, cobram pedágios e permanecem nos bastidores do poder, o pior, com todo o poder e mais a grana, sem dar as caras. (Ilustração Formasanimadas.WordPress)

VOCE USARIA?

Foi lançado em Brasília uma série especial de relógios, com coleção limitada, em comemoração a Oscar Niemeyer, que fez 104 anos nesta quarta-feira, 30. Os ponteiros são nas cores verde e amarelo e o relógio tem impresso, na parte de baixo, a imagem dos prédios do Congresso Nacional. (Foto Divulgação)

ENQUANTO ISSO, NO MADEIRA...


...o boto Tucuxi brinca (Fotos Roni Carvalho)

LAURENTINO É JABUTI 2011

O caríssimo Laurentino Gomes, jornalista e escritor é vencedor da categoria Reportagem no 53ºPrêmio Jabuti de Literatura, com o livro "1822", que conta os bastidores da Independência do Brasil. Ele esteve em Porto Velho para participar do projeto Sempre um Papo, em maio deste ano.
Em setembro de 2010, lançou na Exclusiva Livraria o livro anterior "1808", com a vinda da família real portuguesa para o Brasil. No rítmo que escreve, o esperamos em breve para lançar o "1889", sobre a República.
Um grande abraço ao Laurentino por esta contribuição à História e ao Fred Perillo pela oportunidade de podermos conversar com os escritores e saber o que está por trás dos fatos históricos.

UM HOMEM SANTO

Tive o privilégio de conhecer e conviver (pouco) com o bispo Dom Moacyr Grechi. Seja fazendo entrevistas - uma delas em parceria com o Chico Lemos, para o Gente de Opinião - seja ajudando nas celebrações de missas na Catedral, como comentarista.
Mas a minha admiração pelo religioso vem de longa data, quando do caso do coronel 'serial killer' Hildebrando Pascoal. Mesmo ameaçado de morte, Dom Moacyr não se calou e o ex-coronel das barrancas do Rio Branco está atrás das grades.
Assumindo a Arquidiocese de Porto Velho em julho de 98, quis logo conhecer todo o seu rebanho. Nestas indas e vindas, sofreu dois acidentes automobilísticos sérios, mas a missão dele ainda não estava cumprida. Mesmo andando com dificuldades, é um guardião e defensor daqueles que ele chama dos mais humildes. Defensor intransigente da democracia, combate os maus políticos, a compra de votos e a corrupção.
Aos 75 anos (nascemos no mesmo dia), pediu aposentadoria ao Papa Bento XVI e foi substituído ontem (30) por D. Esmeraldo Barreto. Dom Moacyr vai se afastar de seus afazeres episcopais, mas, tenho certeza, continuará a sua missão de portador da palavra de Deus. D. Moacyr, ao senhor que já me abençoou tantas vezes, peço a Deus que o abençoe também e o mantenha por muito tempo conosco. (Foto Marcela Ximenes)

MADEIRÃO INDÓCIL

O Rio Madeira não estava para navegação nesta quarta-feira, 30. O colaborador deste brog, Cléris Muniz/Imagem News, lembrou-se do Banzeiros na travessia da balsa. Não sei por que.