31 de jul de 2012

FRASE

"Isso não é democracia. Nem na China, que não um país democrático". Mírian Leitão, ainda lamentando a queda do Fernando Lugo no Paraguai.

O NOVO

O "porto" do Cai N'Água apareceu espontaneamente, como muita coisa acontece em Porto Velho. Aqui abrem-se ruas, formam-se bairros e, só muito depois, a administração pública corre atrás do prejuízo. O Cai N'Água foi assim também. Os ribeirinhos chegavam com sua produção e ancoravam pouco acima do porto oficial, que era o da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré.
Como não podia deixar de ser, toda uma "estrutura portuária" informal se ergueu ao lado da antiga "serraria do Território". E esta estrutura de apoio inclui vendedores de mantimentos, combustíveis, cachaça, sexo e drogas. Com a inauguração da Hidroviária, que aconteceu ontem com direito a transmissão ao vivo pela Rede TV-RO, espera-se que o local vá se modificando para melhor, claro. Aliás, o secretário da Sempre, professor Israel Xavier, considerou o Cai N'Água o "lugar mais belo de Porto Velho". Eraste!
Algumas fotos recentes do local: (Fotos Marcela Ximenes e JCarlos)
A chaminé, ligada à caldeira, foi o que sobrou da serraria do Território. Atrás, o Mercado do Peixe
 Flutuante "típico" do Cai N'Água
Situação pré-inauguração do Terminal Hidroviário
 Ponte flutuante de acesso ao atracadouro
O desenho geométrico da rampa

30 de jul de 2012

DICA DE BLOG

Sugiro visitarem o blog Café com Arte, da artista plástica Maria Antônia, que é pintora e escultora e mãe da jornalista Mara Paraguassu. Na ilustração, "Coral".

27 de jul de 2012

SERÁ QUE 'PEGA'?

Fico sabendo que o prefeito Roberto Sobrinho assinou Lei que proíbe a permanência, em via pública, de veículos em conserto mecânico. Até aí tudo bem. Muitas oficinas usam as calçadas e ruas com extensão de seus estabelecimento.
Não sei se a lei também vai obrigar a quem deixa veículos inservíveis nas ruas, não importando se há previsão de pagamento de taxas, pois não há quem cobre, nem quem pague. Ea  sucata fica lá

Ê MINAS!

Se fizessem novas mudanças no Código de Trânsito, visando atender os dialetos regionais, lá em Minnns ficaria assim:
Obrigado Rosa Sá.

26 de jul de 2012

PARA MATAR A SAUDADE

Recebi este vídeo, não sei de quem e compartilho com vocês. No fotograma, a locomotiva 18, personagem principal de uma arenga recente.

POR VIA DAS DÚVIDAS

O noticiário informa que o presidente sírio Bashar al-Assad pode fazer uso de armas químicas. Por via das dúvidas, fizeram uma varredura na copa, para que a dona Jôse trabalhe tranquila, fazendo o nosso cafezinho de cada dia. (Fotos JCarlos)


CONVITES

E o centenário da Estrada de Ferro Madeira Mamoré está chegando. Abaixo, convites e programações de atividades alusivas em Guajará-Mirim e Porto Velho


CABEÇAS DE MINHOCA

Guaporeanos e rondonianos, em sua expressiva maioria, são gente boa. Para confirmar a regra, tem sempre aqueles "minhocas" (filhos da terra) que se incomodam se eles não participam de alguma coisa ligada à história da cidade. A Estrada de Ferro Madeira-Mamoré, se depender deles, dificilmente será Patrimônio da Humanidade. É inconcebível dividir a ferrovia DELES com o resto do mundo.
Nestes anos em que vivo aqui, já soube e presenciei diversas escaramuças entre estes grupos que se acham donos da ferrovia. Se um dos grupos está, ocasionalmente, no poder municipal ou estadual, com atividades ligadas à Madeira-Mamoré, os demais grupos se colocam em oposição e sabotam literal e figurativamente os projetos.
O exemplo mais recente são os preparativos para as comemorações do Centenário da EFMM. Não é que um grupo foi ao MP denunciar aqueles que estão fazendo a manutenção das locomotivas para a festa?
É muita mesquinharia. O assunto a que me refiro está publicado no G1-Rondônia.
 O trabalho parado dia 24...
 ... por força da inveja (Fotos Marcela Ximenes)


 Serviço retomado, conduzido pelos ex-ferroviários. Quem melhor que eles pode fazer isso?
(Fotos Cléris Muniz/ Imagem News)

DERRUBANDO E ANDANDO

Fui testemunha da história. Uma carreta, carregada com uma peça de flutuante de draga, veio pela BR-364, sentido Rio Branco-Porto Velho, no trevo da Campos Sales, fez a conversão, para subir a rodovia novamente e entrar na rua Prudente de Moraes. Nesta manobra, derrubou o semáforo do trevo. Homens que estavam em uma cabine dupla e que acompanhavam a carreta, arrastaram o poste de ferro do meio da rua e o jogaram de lado.
Na Prudente de Moraes, o caminhão entrou à esquerda, na estrada de Santo Antônio. A manobra foi difícil, pois o ângulo da esquina é bem fechado. A carroceria da carreta bateu no poste de energia, balançando perigosamente os fios. Infelizmente a câmera e o fotógrafo não  se entenderam.
Quem paga o prejuízo? (IFoptos JCarlos)


A carreta ficou atravessada na rua Prudente de Moraes, tentando entrar na estrada de Santo Antônio

25 de jul de 2012

PREVENÇÃO

Nestas eleições, até agora atípicas, um serviço preventivo é oferecido para evitar dissabores futuros. O flagrante é do Ricardo Ferreira, a quem agradeço em nome dos PIA (Portadores de Insuficiência Aritmética).

PARECE, MAS NÃO É

Dias desses, atravessei o rio Madeira pela balsa da cidade, em direção à margem esquerda. Vi, na obra da ponte, uma figura querida e familiar. Com os afazeres do dia-a-dia, adiei a pesquisa sobre a presença da "bandeira de Minas Gerais" em um dos pilares. Não era nada disso.
Apesar da empresa que constrói a ponte ser originária das Gerais, a figura que vi é a sinalização para a "navegação segura na travessia sob a ponte".
Então tá.


Olha ela aí  (Fotos JCarlos)
 (Obrigado, Aerllen)

GENTE QUE CHEGA, GENTE QUE SAI

Assumindo o cargo de adjunta da Secretaria de Estado da Paz, Sônia Maria dos Santos pereira. Ela deixa a chefia de gabinete do vice-prefeito de Porto Velho, Emerson Castro, com quem trabalha há dez anos.
Boa sorte, Sônia

PIPIRA NEWS

Comentaristas políticos, sem assunto para palpitar, dizem que a população não está empolgada pela política.  Todo mundo sabe que não é isso. Cada coisa na sua hora e ainda não é hora da política para o eleitor e nem tem ninguém preocupado com as Olimpíadas de Londres, como disse o amigo Everton Leoni, puxando a brasa para a sardinha dele, já que os jogos terão transmissão pela Record, da qual a TV Candelária é repetidora em Rondônia.
Mas entre os candidatos a coisa já está andando. O "espírito" do prefeito Roberto Sobrinho é invocado nos palanques dos candidatos Fátima Cleide e do Mário Sérgio, enquanto é exorcizado nos demais palanques. A lenga-lenga da transposição ainda faz parte de alguns discursos e o elixir da eterna juventude já está esgotando os seus (d)efeitos.

24 de jul de 2012

PELA CIDADE

 Campanha ecológica no muro da praça das Caixas D'Água
Não sei se planta, mas consome
 Mascote da Rádio Falante - Escola Orlando Freire
Esphira?
 Tenho que aprendê. (Fotos JCarlos)
 Li sobre reformas do ginásio Cláudio Coutinho em 2013. E o Aluisão? Só no século 22?
"Um singelo aviso de carinho deixado na caixa de correspondência do prédio" (Cléris Muniz/Ag. Imagem News)
Um macaquinho na ponte de acesso à Capela de Santo Antônio (Foto Ricardo Ferreira)

EXPERIÊNCIA?

Já estou acostumado a ser chamado (às vezes carinhosamente, outras nem tanto) de dinossauro da Comunicação ou de pré-histórico. Não ligo.  Mas hoje exageraram na dose:
"Seu Sá, o senhor que é um repórter das antigas, do tempo da Maria Fumaça..."
"Pôxa, Nilo!" Respondi brincando.
"Por quê? As Maria-Fumaça tem uns cem anos? Eu tô falando destas "novas" de 50 anos..."
Ah, bom. Então assim tá certo.
(Foto - Locomotiva abandonada em frente ao Casarão, em Santo Antônio - JCarlos)

POBRE IMPRENSA

Como consumidor, fico indignado quando ouço nos rádio-jornais as mesmas notícias que li nos portais de notícias da cidade. Vejo (de perto) o trabalho que o pessoal do G-1 Rondônia tem em reescrever rilises, ligar para as assessoria para complementar as informações, checar se o que está sendo divulgado é aquilo mesmo, tudo em busca de posicionamento no mercado, que se traduz em acessos únicos.
Quem faz a auditoria do saite não leva em conta, porém, as matérias que são lidas no rádio descaradamente.
Os "departamentos de jornalismo" das rádios se dividem em duas partes: os que "entrevistam" os gerentes de lojas anunciantes e os que leem notícias direto da internet ou dos impressos. É como uma autofagia.
Pobre Imprensa. Ô raça!

23 de jul de 2012

TEIXEIRÃO EM LIVRO

O jornalista Lúcio Albuquerque convida para o lançamento do livro "Governo Jorge Teixeira: Seis Anos de Realização Para Todos", contendo uma coletânea de de discursos, pronunciamentos e mensagens do ex-governador Jorge Teixeira de Oliveira, que governou Rondônia de 1979 a 1982, como Território Federal e de 1982 a  1985, como estado.
A compilação foi feita pela também jornalista Cida Souza, que foi diretora de Comunicação do governador Jorge Teixeira e pela pedagoga Daiane Ferreira Campos. A primeira edição do livro é de 1984 e estava esgotada. O lançamento desta nova edição será amanhã, 24, a partir das 19hs30, no "Memorial Jorge Teixeira", na rua José do Patrocínio com Euclides da Cunha, no bairro Caiari, em frente ao Teatro Banzeiros.
Passei hoje por lá e o prédio do "Memorial" continua com aparência de abandono. (Foto JCarlos)

MADEIRA-MAMORÉ NA GRANDE IMPRENSA

O jornal Valor Econômico publicou hoje "ampla reportagem" sobre a restauração de dois trechos da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré, em Porto Velho e Guajará-Mirim. A matéria é assinada pelo jornalista André Adeodato, com fotos do André Pessoa.
Lei matéria via o Portal Amazônia.Org.

JÁ É TRADIÇÃO!

Recebo aviso de um novo bar em Porto Velho, no reclame, destaque para a frase: "O local inaugurou há poucos dias e já tem uma clientela fiel (...)".
The flash é isso, inauguram e já se tornam tradição.

AÇAÍ COM EMOÇÕES

Há poucos dias o Portal G1-Rondônia publicou aviso da Vigilância Sanitária para que fosse evitado o consumo da açaí, devido às más condições de higiene em alguns locais onde a polpa é extraída.
Fotografei esta birosca na Avenida Mamoré, que dá medo até de pedir informações.

(Fotos JCarlos)

PROMOÇÃO, SÓ QUE AO CONTRÁRIO

(Via twitter/jose_simao)

21 de jul de 2012

GENTE QUE CHEGA, GENTE QUE SAI

O professor Aleks Palitot deixa a Rede TV Rondônia e vai para a TV Candelária/Record com o seu quadro "Trilhando a História", nos programas Câmera 11, Tempo Real e um programa próprio na Record News e, possivelmente, na Rádio Parecis.
Parabéns ao professor Palitot e à equipe do Everton Leoni pela aquisição.
Aqui, a passagem do professor Palitot pelo Banzeiros.

CENAS DASUZINA

 Pensei que fosse alguém "quarando" ao sol da hora do meio-dia
Era pegadinha
Se orientando no GPS analógico (Foto Markku Saksa)
Mariana Maciel (Alston) e Maurício Vasconcelos (SAE) apreciam...
... a paisagem de ferro e cimento (Fotos JCarlos)

20 de jul de 2012

PARA CONHECER MINS

(Ilustração Uai, Sô, via Facebook)

OUVI POR AÍ

- O prefeito [Roberto Sobrinho] dava uma entrevista no rádio, falando sobre a rodoviária. Alguém disse para ele: Se você ficou mais de 7 anos na prefeitura e não fez a nova rodoviária, como vai ficar pronta agora? Ele respondeu: Só vou deixar a Prefeitura dia 31 de dezembro e vou entregar a rodoviária!
- Ele não disse em que estado vai deixar a rodoviária. Se ele entregar a rodoviária velha, não estará mentindo.
Mas como o prefeito já disse em entrevistas, a necessidade de uma rodoviária nova é apenas uma questão psicológica da população...

CONSPIPIRAÇÃO


Pelo menos cinco pipiras esperavam que eu saísse de casa, hoje de manhã, numa barulheira infernal. Não consegui entender nada. Sem tempo, não pude saber qual era o "bafão" político daora. (Fotos JCarlos)

CAOS NO TRÂNSITO

Continuando no assunto. Fui testemunha da estupidez ostensiva das duas pessoas que conduziam as L-200 de placas NCZ 9058 e NCZ 9158, adesivadas com a logomarca da Seagri (Secretaria de Estado da Agricultura). Corriam muito na avenida Jorge Teixeira e depois na Calama, sentido (antiga) Esplanada das Secretarias. O fato aconteceu das 14hs50 às 15hs, quando os perdi de vista. A foto, que está uma *osta, eu mesmo fiz.

"BARBEIRO"

Este infeliz estacionou... bem, parou o carro dele, de um modo que demonstra o quanto custou a CNH que ele ou ela porta. As fotos são do Jota Gomes.