29 de jan de 2008

TUDO IGUAL

Você está distraído ouvindo rádio e colocam para rodar um determinado comercial, garanto que não saberá de imediato se o anúncio é do Governo do Estado, da Prefeitura de Porto Velho ou da Assembléia Legislativa. O formato é igual: depoimentos de pessoas. Além disso, a voz monocórdia do locutor é muito parecida.

++++

POMBAL

O jornal Alto Madeira publicou dia 22 um artigo assinado pelo Luiz Antônio de Araújo sobre um dos meus personagens históricos preferidos: Sebastião José de Carvalho e Melo, o Marquês de Pombal. Ele foi importante para a Amazônia com a criação da Companhia de Comércio do Grão-Pará, que fez os portugueses ocuparem a região, já naquela época, visada pelos holandeses, ingleses e franceses e outros gringos.

+++++

TRILHA

A música que nos embala e inspira hoje é "Loucas Horas”, com Guilherme Arantes.

++++

VAQUINHA, AINDA

Agradeço ao leitor “chará” a oportunidade de voltar ao assunto. A vaquinha que a Polícia Militar fará neste carnaval, pelo que o leitor escreve é desnecessária, já que o governo promoveu a compra e entrega de equipamentos à corporação. Por outro lado, gostaria de saber se há a preocupação também com quem veste a farda. Até bem pouco tempo havia muitos policiais com problemas sérios de depressão, alcoolismo e o número de separações conjugais era muito alto. A questão da remuneração também “era” problema.

++++

FHC

Como sempre faz, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso interrompe sua aposentadoria para dar uma entrevista que vira polêmica. Ontem, falando ao “Canal Livre” da Band, FHC sugeriu que o presidente Lula coloque as barbas de molho, com relação à crise financeira que está do outro lado da rua e a nossa porta não está trancada.

++++

ATRASO

Só agora (está sendo noticiado hoje) o Comando do Exército fica sabendo que a rodovia BR-174, que liga o Brasil a Venezuela, é fechada à noite pelos índios Waimiri Atroari, que durante o dia cobram pedágio para permitir a passagem de veículos na estrada.

++++

FRIA

Parlamentares brasileiros que foram visitar a base de pesquisas no Pólo Sul entraram numa gelada. O tempo virou e eles ficam presos lá, pois o clima não permite o pouso do avião que iria buscá-los. É turismo feito com o nosso dinheiro em forma de lobby.

++++

PAPO DE BAR

Sobre o assunto acima, um dos vizinhos de mesa comentou: “Os caras vão ficar presos logo na Antártica, se fosse na Skoll eu queria tá lá...” Ô raça!

++++

FURNAS

Duas equipes do setor de Comunicação de Furnas estiveram em Porto Velho na semana passada. O assessor de Imprensa da presidência, Wilson França – que já trabalhou em Porto Velho há alguns anos - e Luis Fajardo, da Assessoria da estatal, fizeram visitas de cortesia e agradecimentos aos órgãos de Imprensa; enquanto Daniela de Campos Monteiro e José Dias Lins faziam a produção fotográfica e fotografavam o Rio Madeira em diversos pontos.

++++

DE LOBOS

Desde meados de dezembro que a Imprensa comenta a nomeação do senador Edison Lobão para o Ministério das Minas e Energia e das suas pendências com a Justiça; quase ao mesmo tempo, levantava a vida pregressa do Lobão Filho, suplente do pai e enrolado até o pescoço. Lobão pai já está ministro e deve mudar muita gente dos cargos sob seu controle, colocando neles o povo do pmdb e o Lobinho assume esta semana um lugar no céu, digo, no Senado. Brasil é o país do faz de conta.

++++

A CARTA

Recebi uma carta de uma grande loja de eletrodomésticos convidando para conhecer as promoções que estão sendo realizadas nestes últimos dias de janeiro. Eu até ia ver de perto, mas são tantos erros ortográficos na carta de 12 linhas, que desisti. Se a atenção com o cliente for o mesmo que foi dado ao texto, é bom passar longe. A carta-convite é encerrada com um educado “Anteciosamente”.

++++

PERAÍ, QUE NÃO VOLTO

25 de jan de 2008

FLORESTANIA

A ministra Marina Silva anuncia (oficialmente) nesta sexta-feira a relação dos municípios que mais desmataram em 2007. Porto Velho está dentro e Machadinho (!), também. Eu penso o seguinte: se você somar tudo que disseram que foi desmatado aqui, não era para ter uma árvore sequer. Eu não entendo esta matemática...

++++

OPOSIÇÃO?

Leiam com atenção: “Há muitos e muitos anos que a politologia nos ensina que sempre que há um vácuo na política, esse tende a ser ocupado pelo judiciário e/ou pela imprensa. Ou pela anarquia, o que é o pior. Em nível nacional se vê claramente que o vácuo deixado pela chamada base parlamentar do governo, adestrada a golpes de favores e trocas, tem sido ocupado pelo judiciário, que interpreta e normatiza na fronteira, quase legislando (...)”

++++

OPOSIÇÃO? – 2

“Aqui não há partidos nem forças de oposição que atuem como tal. Há alguns parlamentares esperneantes, que de forma episódica, individual e inorgânica, deblateram contra a prefeitura. Com isso esse vácuo é ocupado pela imprensa, que faz as vezes de partido político, vocalizando a oposição. Parlamentares que tem relações pessoais próximas com a imprensa aparecem mais. Pensam que estão fazendo oposição, mas na verdade estão servindo apenas para fazerem suíte das matérias da imprensa, que, parte desta sim, faz oposição. Dir-se-ia que esse é um processo quase inevitável. Não é simples num quadro de vazio desses, evitar a translação do jornalismo à política”. Calma! Isso não ocorre aqui, mas lá no Rio de Janeiro. Que bom!

++++

TRILHA

A música que nos embala e inspira hoje é “Tatuagem”, do Chico Buarque de Holanda.

++++

MOCO

Em depoimento à Justiça Federal de São Paulo, o ex-ministro-chefe da Casa Civil, José Dirceu, disse que “nunca ouviu falar em Mensalão”. O hómi é acusado de ser o grande comandante do esquema. E pensar que o Roberto Jefferson fez aquele barulho todo à toa.

++++

CADEIA


O noticiário do Ministério da Justiça, no programa “Voz do Brasil” prevê para abril a inauguração do presídio federal de Rondônia.

++++

CADEIRA

Um dos representantes de uma empresa responsável por um grande projeto de construção levou um chá-de-cadeira e não conseguiu ser recebido em audiência pelo presidente de uma instituição pública de Porto Velho. A audiência foi marcada com antecedência e a hora determinada pela própria autoridade. Depois falam que a instituição é desprestigiada.

++++

APOSENTADOS


Comemorado no dia 24 o Dia do Aposentado, quando também se comemoraram (?) os 85 anos da Previdência Social no Brasil. Atualmente o país tem cerca de 35 milhões de aposentados, dos quais 8,5 milhões recebem até um salário mínimo de benefício.

++++

PANORAMA

Este é o panorama político de Rondônia, visto a partir da ponte aérea: “Roberto Sobrinho, no segundo mandato como prefeito, deve se preparar para uma campanha a deputado federal e solidificar o nome dele para uma disputa futura para o cargo de governador do Estado; [Ivo] Cassol, está fazendo a coisa certa, sairá para o Senado e elegerá Expedito [Junior] seu sucessor. Assim eu vejo que as coisas se acomodarão aqui”. É, tá tudo muito bom, tá tudo muito bem, mas falta apenas combinar com o adversário.

++++

ATÉ A VOLTA.

24 de jan de 2008

PALANQUE

O presidente Lula avisou – mas nem precisava: ele só subirá em palanques, nas eleições de outubro, em municípios onde a base aliada apresente um só candidato. Não será o caso de Porto Velho. Só a base “aliada” já tem pelo menos nove postulados (foram indicados por alguém), com uma baixa provisória do ex (?) vereador David Erse. Dos prefeituráveis, apenas Hamilton Casara não pertence à chamada base.
++++
PARABÉNS
O Douglas Santos completa mais um aniversário hoje e afirma que não é mais criança. Dizendo ele.
++++
9.3
Comemoramos os 93 anos de instalação do município de Porto Velho com um café regional no Mercador Central. A Mar, para manter a tradição, comeu uma tapioca com leite de castanha. Eu, mas heterodoxo, preferi tapioca com um “ovos”.
++++
GUAPINDAIA
O primeiro intendente de Porto Velho nasceu no Maranhão, na cidade de Brejo, no dia 27 de outubro de 1873. O major Fernando Guapindaia de Souza Brejense chegou a Manaus no início do Séc. XX e também participou dos trabalhos da Comissão Rondon, pelo 48° Batalhão de Engenharia, no trecho Mato Grosso – Amazonas. Quando assumiu a Intendência de Porto Velho já estava reformado, deixando a cidade a que deu as primeiras formas urbanas no inicio de 1917, tendo falecido em São Luiz – MA, em 1929. Obrigado ao senhor Esron P. de Menezes – “Retalhos para a História de Rondônia” – 2001.
++++
TRILHA – ESPECIAL
As músicas que nos embalam e inspiram hoje estão no disco “Porto das Esperanças”, de 1995, com o que de melhor há e houve na música de Porto Velho. Destaques para as faixas “Rondoniana” e “Aceiro”.
++++
CURSOS
O programa Sala Vip, a ser apresentado logo mais ao meio dia na Rádio Vitória Régia, trará uma entrevista com o diretor de Contratos da Construtora Odebrecht, José Bonifácio Pinto. Ele falará aos ouvintes do Léo Ladeia sobre os cursos que a empresa oferecerá para a qualificação e requalificação de pessoas para trabalharem em obras já existentes e que vão ocorrer em Porto Velho. Imperdível.
++++
PESCANDO E ANDANDO
Numa das campanhas eleitorais na qual trabalhei, o candidato tentava convencer uma senhora a votar nele dizendo que, se eleito, trabalharia para a abertura de novas empresas e na conseqüente oferta de postos de trabalho. Ao final, concluía: “Eu não quero dar o peixe, quero ajudar a ensinar a pescar, para a senhora ter peixes sempre...”. Antes que a frase fosse concluída, a mulher interrompeu: “Precisa não, sinhô. Nóis já sabe pescá e pesca toda sexta-feira no Candeias...”
++++
VÂNDALOS
Não bastasse a cidade ser mal sinalizada, ainda existem alguns filhos d’algo que saem à noite quebrando o pouco que existe. Nesta madrugada um destes filhos de uma que roca e fuça derrubou a placa de sentido proibido, também conhecida como contramão, na esquina de Paulo Leal com Tenreiro Aranha.
++++
FRASE
“Os ecologistas são pessoas que não evoluíram para ambientalistas. Uns só pensam na natureza, os outros pensam nos aspectos sócio-econômico e ambientais”. Professor Ivo Benitez, Subprocurador- Geral de Justiça de Rondônia, colocando os pingos nos “is”.
++++
FALANDO NISSO
O Ministério Público de Rondônia, como instituição, mudou de postura e tem hoje uma atuação pontuada por iniciativas preventivas, especialmente naquilo que interfere no interesse coletivo. Um exemplo: a instalação da fábrica de cimento em Porto Velho terá que atender critérios ambientais para que não provoque poluição nem na cidade e nem em Candeias.
++++
PEGANDO LEVE.

23 de jan de 2008

FUNDO

Torço para que esse fundo que a PM criou para fazer uma vaquinha e comprar coletes sirva para que os policiais militares não precisem mais fazer bico e arriscar a vida nas horas de folga, quando deveriam estar descansando, ficando junto com suas famílias.

++++

APITO

Desde que surgiu essa polêmica sobre o fundo para a vaquinha, por uma associação livre de idéias, me lembrei daquela figura do “tomador de conta da quadra”, que até bem poucos anos a gente pagava para vigiar a nossa casa. O cara passava a madrugada andando de bicicleta em volta do quarteirão, com um apito na boca e uma um pedaço de pau amarrado ás costas. E nos sentíamos seguros...

++++

IMPRESSÃO

Em entrevista à Radiobrás, o prefeito Roberto Sobrinho fez uma declaração muito pertinente sobre um assunto que há dias venho pensando em comentar aqui, mas não anoto e esqueço: A expectativa sobre os impactos a serem provocados pelas hidrelétricas do Madeira – positivos e negativos – está super inflacionados. Se forem atendidos 50% dos que esperam a desgraça total e 50% dos que esperam a panacéia universal, o governo federal e os empreendedores podem se dar por satisfeitos.

++++

FALSO

É absolutamente falsa a notícia que a carne aumentou de preço em Porto Velho após o comentário sobre os abatedouros clandestinos. Mas que faz sentido, isso faz.

++++

QUARESMA

Só lá pelo dia 7 de fevereiro é que as coisas voltam a funcionar regularmente no país, em n quaresma. No meu tempo de infância essa era a época do aparecimento do lobisomem e da mula sem cabeça. Hoje as visagens são outras e o mal que elas fazem é mais palpável.

++++

ABANDONO

No final da semana passada um amigo esteve no assentamento Joana D’ Arc III, na margem esquerda do Rio Madeira, mais ou menos na altura do distrito de Jacy-Paraná. O que mais impressionou a ele foi a situação em que se encontra a escola local. Curioso, perguntei o nome do ‘estabelecimento’. Leiam a narrativa:

++++

ABANDONO – 2

Não sei nem se aquela coisa que chamam de escola tem nome. Sei que é a escolinha da linha l9 do Joana D'Arc III e está completamente abandonada. Não tem banheiro; não tem água para as crianças beber, ainda por cima o mato está tomando conta. A estrada, quando se sai do cascalho, vira um atoleiro só, por uma faixa de 200 a 300 metros, onde ficamos atolados. Imagine as crianças andando pelo atoleiro com chuva”. O nome da escola a que nos referimos é “Escola de Ensino Fundamental (de 1ª a 4ª série) da linha 19 do Joana D'Arc III”.

++++

TRILHA – FLASH BACK

A música que nos embala e inspira hoje é "Sintonia”, com Moraes Moreira.

++++

REVIRAVOLTA?

Foi previsível o resultado do julgamento dos “infiéis” pelo TRE na tarde/noite de ontem. Apesar da torcida dos coleguinhas, o deputado Euclides Maciel continua parlamentar.

++++

DEMOREI

Ainda no julgamento de ontem, o TRE voltou atrás e devolveu o mandato ao vereador Lourival Pereira de Oliveira, de Buritis, que tinha se tornado primeiro político brasileiro a ser cassado por infidelidade partidária. Enquanto o vereador estava no limbo, recebi de um leitor a observação de que na história política de Rondônia, já havia o registro de uma cassação pelo mesmo motivo.

++++

VILHENA

“O primeiro vereador cassado no Brasil, por infidelidade partidária , foi sim de Rondônia. Mas não o do interior do Estado, cantado e decantado pela mídia. Foi, por ironia, o ex-diretor da TV Rondônia, Osmar Costa Vilhena, o mais votado pelo antigo MDB e que em 10 de novembro de 1975 foi afastado e substituído pelo suplente Joventino Ferreira Filho. Está tudo nos anais da Justiça Eleitoral, ele foi o mais votado pelo MDB em 1974 e foi cassado em 1975, assumindo em 10.11.75, o suplente Joventino Ferreira Filho. Está escrito no livreto "Breve Histórico do Poder Legislativo do Município", do jornalista João Tavares.Viu como o jornalismo investigativo e a apuração de pauta andam capengando, ou caindo pelas tabelas, em bom estilo tupiniquim?

++++

PERAÍ

22 de jan de 2008

ANIVERSÁRIO

Está exposto no hall da loja Eletrotel da Avenida Nações Unidas, painel preparado pelo alfarrabista e pesquisador Hokney França sobre o aniversário de instalação de Porto Velho, que será comemorado dia 24 de janeiro, quinta-feira. Hokney vem mantendo a tradição de preparar painéis informativos sobre as datas históricas de Porto Velho, especialmente no período de 1915 a 1982. Vá ver, pois se o repórter da TV o abordar perguntando: “Porque hoje é feriado?”, você ficará com cara de bobo, se quiser.

++++

CURSOS

Pipocando em Porto Velho cursos profissionalizantes de todos os tipos e aplicações. Não só por parte das entidades de tradição, como Senai, Senac, Senar, Senat, mas da iniciativa privada, com oferta de cursos que não estavam disponíveis nos portfólios dos “S”, como é o caso do curso de auxiliar de laboratório da construção civil, que oferece aprendizado para habilidades que podem ser aplicadas na construção de barragens, construção civil em geral e em obras de pavimentação.

++++

TRILHA

A música que nos embala e inspira hoje é "Um certo alguém”, com Lulu Santos.

++++

FILOSOFIA

Estão abertas inscrições para o vestibular da Faculdade Católica de Rondônia, que oferece o curso de Filosofia, o primeiro no Estado, além de cursos a distância. Cursos de Licenciatura: Computação, Filosofia, Pedagogia, Ciências Sociais, Educação Artística; Bacharelado: Ciências Contábeis, Teologia; Tecnólogo em Recursos Humanos; R2 em Matemática. Informações na Rua Gonçalves Dias, entre Carlos Gomes e Pedro II ou pelo telefone 0800 647 6677.

++++

BOQUINHA

Repetindo localmente o que vem fazendo em nível nacional, o pmdb caripuna está tentando minar uma futura coligação entre o partido e o PT na sucessão municipal, em troca de boquinhas no governo federal. Mandando na Energia, qualquer coisa serve, desde “plantador” de poste do programa “Luz no Campo”, até uma gerenciazinha de Furnas que – pensam – vai construir a usina de Santo Antônio. Eu tenho dó. Dó mesmo, de pena...

++++

PESAR

Lamento o falecimento da senhora Memorina Rosa Campos, mãe do empresário e ex-prefeito de Cacoal Divino Cardoso Campos e patrona da escola do SESI daquela cidade. Sempre afável e com extrema paciência, dona Memorina comparecia às festas da escolinha que leva seu nome e fazia questão de participar das “formaturas” das crianças da alfabetização.

++++

ENERGIA!

Enquanto o Governo Federal anuncia que vai proibir a comercialização de aparelhos eletrodomésticos que consumam muita energia – aumentou a demanda de energia em 5,4% no ano passado – em Porto Velho ainda há enfeites natalinos acesos noite adentro, ano a fora.

++++

INTERESSANTE

Assistimos ao filme “Na Mira do Inimigo” (L’Ennemi intime) França, 2007, de Florent Emilio Siri, que mostra um episódio da guerra suja entre a França e a Argélia. Em uma cena, após torturar todo mundo que podia, o personagem do ator Albert Dupontel, sargento Dougnac, manda dar choque nele mesmo. É assim que começa...

++++

ECOCRACIA

O Diário da Amazônia publica hoje matéria especial sobre a situação em que se encontra a BR-319, especialmente no trecho entre Porto Velho e Humaitá, no Amazonas. Desde 2005 o Governo Federal tenta recuperar a rodovia, mas esbarra no braço armado do ambientalismo: a justiça federal e o ministério público a serviço da “ecologia”.

++++

E NÃO EMPURRA...

21 de jan de 2008

É ASSIM

Se dependesse de mim, ficava do jeito que está, mas a pedidos, vamos lá: “A título de informação, o repasse do carnaval foi cortado aos blocos de carnaval e não às escolas de samba (...). O recurso que era [seria?] destinado aos blocos vai ser convertido em Carnaval do Bingool de grátis pro povão...”. Então tá certo.

++++

E ASSIM SERÁ

A suspensão do repasse de verbas para os blocos é que ainda merece uma explicação plausível, pois não quero acreditar que a decisão foi tomada em cima de “disse-que-me-disse”.

++++

EXCLUSIVO

Seguindo a tendência para o Carnaval 2008, preparem-se, pois nos porões das casernas estão sendo feitos os cálculos para a cobrança de duas novas taxas no período momesco. Estas taxas, em princípio, não serão cobradas dos blocos e escolas de samba, mas individualmente. A Marinha estuda uma arrecadação taxando quem for assistir ou participar das “corridas de submarino” no rio Madeira, igarapés e lagos da região. Já a Aeronáutica, cobrará pela segurança do tráfego aéreo aos pilotos da “esquadrilha da fumaça”. Eita nois. Os fundos ficarão todos recheados

++++

FRASE

“Quero parar de escrever antes que senilidade me encontre e que o bom senso me deixe”. Eu, ainda apresentando os sintomas da dengue.

++++

DENGUE

Em Porto Velho funciona assim: Você vai ao posto de saúde; chega de madrugada para pegar uma ficha। Digamos que tenha sorte. O médico ouve suas queixas e lhe dá uma guia solicitando o exame para saber se tem dengue. O exame é marcado para duas semanas depois. Quando chega o dia para a coleta do sangue, a doença já se mandou por si só e você não tem nada. Ou seja, a dengue não existe, é apenas um delírio.
(Obs.: O fato narrado acima foi contado por meu vizinho, também dengoso, quando trocávamos impressões sobre a doença)

++++

FALANDO NISSO

E falando em delírio, a “viagem” mais incrível que vi foi a justificativa da invasão do terreno da Prefeitura, destinado a construção de casas para pessoas-ameaçadas-pelas-cheias-anuais-do-Madeira-e-que-não-saem-de-onde-moram-nem-que-a-vaca-tussa: “as casas que a Prefeitura vai fazer é para dar aos funcionários de Furnas que virão para cá”. Eu comecei a rir, mas tive um acesso de tosse, que virou um engasgo, que passou para uma disritmia, que só acabou quando rezaram o terço sobre minha cabeça. É demais para o cabeção. Debilitado que estou, não posso ser submetido a esse tipo de tratamento de choque...

++++

A DISTÂNCIA

Reconhecendo uma atividade que vem sendo exercida há anos, modestamente anunciada em cupons publicados em revistas populares, oferecendo cursos de detetive e de reparador de rádio por correspondência, o Ministério da Justiça oferecerá 45 mil vagas para cursos a distância, destinados a policiais federais, rodoviários federais, civis, militares, bombeiros, agentes penitenciários e guardas municipais. Entre os cursos oferecidos estão: tráfico de seres humanos; combate à lavagem de dinheiro; uso progressivo da força; e busca e apreensão, entre outros. A justificativa é para suprir carência de requalificação desses profisssionais. Sem comentários.

++++

PREFEITURA

Não se pode dizer que entramos em clima pré-eleitoral. Há boatos lançados na cidade, que disputam entre si a indicação de ser o mais inverossímil. Os pretensos candidatos, lançados pela Imprensa, estão na muda e a fofoca comendo solta no centro. Enquanto não passar o carnaval e a semana santa, qualquer conjectura não passa de conjectura.

++++

É BOM NÃO CONTRARIAR.

19 de jan de 2008

CÍRCULO VICIOSO

“A polícia veio aqui [bairro Mato Grosso] e recolheu todas as bicicletas sem placa que encontrou. Agora tem que levar a nota fiscal para tirar a bicicleta.... A minha também foi...” “E porque a senhora não vai buscar a sua?” “E eu tenho nota? Era da “roubike”. Já vou comprar outra...”

++++

MÃO-DE-OBRA

Em entrevista recente ao “Sala Vip”, o administrador Antônio Wilson disse a Léo Ladeia uma coisa que muita gente faz questão de não enxergar: os 40 mil desempregados que existem em Porto Velho hoje, continuarão desempregados, se não se requalificarem. Pode abrir uma cidade industrial aqui e o problema não será resolvido, já que muita gente prefere ficar pendurada ao “bolsa-família”, eu acrescento.

++++

TRILHA

A música que nos embala e inspira hoje é "Pra ser levada em conta”, com Vander Lee.

++++

REVERTENDO O BANZEIRO

Não consegui encontrar a comparação adequada ou uma jurisprudência literária para o que está acontecendo no Carnaval 2008 de Porto Velho. O repasse que o Governo faria para as escolas de samba e blocos foi cortado. Mas, em compensação, os brincantes terão que colaborar para o fundo da Polícia Militar, o fundo dos Bombeiros, para a Prefeitura de Porto Velho e, dependendo da situação, com o caixa do CREA. Eita nois!

++++

LÁ, COMO CÀ

A BBC publica estudo que 59% das mulheres casadas na Grã-Bretanha se divorciariam imediatamente de seus maridos se tivessem segurança financeira. A mesma pesquisa aponta que apenas 12% das mulheres se manteriam em uma relação infeliz apenas para ter a vida tranqüila. Aqui é assim também, ou um tanto pior.

++++

BOI PIRATA

A PM apreendeu em Guajará-Mirim 15 bois abatidos que seriam entregues em “La Banda”. Uma operação com esse mesmo objetivo deveria ser desencadeada no município de Porto Velho, pois parte da carne que consumimos não tem origem “legal”. Investiguem e vejam com seus próprios olhos.

++++

“RILÍSE”

O texto começa assim: “Com o objetivo de estabelecer estratégias e desenvolver ações com vistas ao acompanhamento, controle e melhoria da qualidade da prestação dos serviços t...” e a linguagem de relatório vai em frente. Tenha dó.

++++

AI, AI

A classe média alta – representada pelos advogados da União, ontem, e servidores de outras repartições públicas do tipo Banco Central, Tribunais Superiores, nos próximos dias – vai às ruas reclamar do governo federal que não honrará a palavra de conceder aumentos. E agora, Luiz Inácio? A massa o garante?

++++

DIGRATIS

Comentei que havia gente entrando mais de uma vez na fila da vacina contra a febre amarela, por que de graça até injeção e pensaram que era brincadeira. Pois bem, em todo país, até a noite de ontem, 31 pessoas haviam sido internadas por overdose de vacina.

++++

CUBA

Quem disse que não há democracia em Cuba? Neste domingo haverá eleição na ilha quando 614 candidatos disputam 614 cadeiras à Assembléia Nacional do Poder Popular.

++++

HEIN?

O tarado ataca a mineirinha, que grita com toda força de seus pulmões: “TARAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAADOOOOOOOOOOOO!!!!” Depois de alguns instantes: “Tarado...” “Taradim....” “Dimdim...”

++++

SABÁ

Amanhã tem festa – com chuva ou sem chuva – na margem esquerda do Rio Madeira, na Vila de São Sebastião. As voadeiras podem ser fretadas no “porto” do Cai N’Água. É uma das tradições culturais, originais de Porto Velho, que continua a ser mantida.

++++

JOÃO

Na próxima terça-feira, 22, comemoram-se os 200 anos da vinda da família Real de Portugal para o Brasil. Esse episódio da História está sendo revisado, pois aumenta o número de pesquisadores que vê no fato o início da Nação brasileira, ao contrário daqueles que só ridicularizam D. João VI.

++++

PARA REGISTRO

Agradeço a indicação, imerecida, desta e-coluna como porta-voz da direita ultra-conservadora. E eu que pensava ser apenas um aprendiz de palhaço!

++++

HOJE É SÁBADO E EU DEVERIA ESTAR REPOUSANDO.

17 de jan de 2008

P O C(RUZ CREDO)


Visitando um amigo que trabalha na Policlínica Osvaldo Cruz ouvi estórias que pensei não passavam de lendas urbanas, mas não eram. Alguns exemplos: O fiscal de ponto é chamado de Saddam; as consultas são marcadas para começar às 7hs, mas a pessoa encarregada de liberar as chaves dos consultórios só chega às 8hs. Também há médico que deveria chegar às 7 hs, mas chega às 11. Para o funcionário sair dez minutos mais cedo, é preciso pegar autorização de três pessoas de diferentes setores. A rigidez, porém, não é equânime.

++++

ESPANTOSO

“Cheia aumenta o nível do Madeira...” Essa também é boa: “Pintor cai do telhado e sofre fratura no Setor 09 de cima”.

++++

ABSURDO

Chego ao cartório para reconhecimento de firma (Estado Burocrático Brasileiro) e sou informado que “o sistema está fora do ar”. Por estar necessitando da providência com urgência, indago apontando para os arquivos de aço ao fundo: “E as fichas de assinaturas?” Ela diz na maior cara-de-pau: “Não dá. Para consultar as fichas preciso acessar o sistema”. É muita preguiça, acomodação ou esse tal de sistema é uma grande FDP!

++++

INVASÃO

O leitor comenta a nota “Assentamento”, publicada dia 15:

ABRASPAS:

O ASSENTAMENTO

O que causa espanto e revolta é que: Se você tem um terreno e quer construir nele qualquer coisa que seja, tem que fazer a planta do imóvel, registrar no CREA, registrar na prefeitura, registrar no INSS, recolher uma cacetada de taxas, respeitar os recuos de calçada e muros etc.. etc... etc.... Solicitar a ligação de água na CAERD, a energia na CERON e tome taxas... Durante a execução da obra, vai receber a “visita” de fiscais de todos os órgãos responsáveis pelo zelo ao patrimônio público para verificar se está tudo nos conformes...

=+=+=

PARA EMPREENDEDOR ENTÃO!

Se no caso você for realizar um empreendimento imobiliário, loteamento, por exemplo, além de tudo isso, é preciso deixar uma cota do terreno para ruas, calçadas, praças, respeitando as dimensões determinadas pelo órgão competente. Respeitar a área de preservação de nascentes (leia-se aí “olhos d’água”), córregos, casa de abelhas e então enfrentar a ira dos amigos da terra, do ar e do mar. Além do Ministério Público e dos ecopolíticos de plantão.

=+=+=

ELES PODEM

Quando o caso é invasão, e em Porto Velho isso é coisa corriqueira, abrem-se ruas, na invasão do Triângulo, pode-se ver que os ditos sem moradia deixaram alguns espaços entre os terrenos que chamam de ruas. Instala-se energia. Rouba-se água. E ninguém fala nada.... Ninguém faz nada, para impedir a propagação desta indústria.

=+=+=

A REVOLTA

Até 90 dias atrás a área invadida era mata fechada... Depois que a prefeitura preparou o terreno para o início das obras para a construção de um conjunto habitacional, os “amigos não sei de quem” fizeram um protesto dizendo que aquela área fazia parte do histórico Cemitério da Candelária, e que ali estavam sepultados antigos trabalhadores da Estrada de Ferro Madeira Mamoré. Uma mentira, pois a área do Cemitério da Candelária e do antigo Hospital da Candelária fica a mais de 500 metros do local, nos fundos do residencial Cujubim, bem próximo da ferrovia.

=+=+=

O QUE É PIOR

Além da área já preparada pela prefeitura, os invasores estão ocupando um outro terreno na estrada do Santo Antônio, agora sim, colocando em risco a área pertencente ao Cemitério da Candelária, as terras do Belizário Pena e diversas nascentes e igarapés que cortam aquelas martas.

=+=+=

ONDE ESTÃO

Até agora não ouvi nem um pronunciamento, nem dos defensores das matas e das florestas, dos igarapés e dos olhos d’água e nem dos Amigos da Estrada de Ferro, nem tampouco do MP. Empreendimento que vai gerar emprego e renda não pode! E como diz a gorducha do Zorra Total: “Barraco pode”.

FECHASPAS. E assino solidário.

++++

TRILHA – DISCO 2

A música que nos embala e inspira hoje é "Fogo”, com Capital Inicial.

++++

HEIN?

As notas policiais dão conta que um travesti foi preso em Guajará-Mirim pelo porte de uma pistola de brinquedo. Não sabia que isso era crime para aquele segmento...

++++

DE CAMAROTE

Se confirmados os prognósticos de malária, meus amigos Hokney e Samuel providenciarão um cardápio especial para minha convalescência. Após isso, reservarão lugar de honra para que eu assista tranqüilo a construção da Usina de Santo Antônio do alto do morro e sem precisar me levantar. Muy amigos, muy amigos...

++++

FRASE

“Os melhores dias da minha vida são aqueles que ainda estão por vir”. Eu, em momento de profunda reflexão e rara inspiração.

++++

FALSO

É absolutamente falsa a informação que fui colega de turma do Seu Chico Bigode na cadeira de “Diplomacia” na Sorbonne. Estudei, sim, em Lausanne, na Suiça, onde Seu Lunga se formou anos antes.

++++

TURISMO

O prefeito de Alto Paraíso, Altamiro Souza, mais uma vez surpreende com a Corrida do Jerico. Este ano, a corrida será apenas uma das muitas atrações que ocorrerão durante a semana de 10 a 17 de fevereiro, e haverá de tudo, desde show gospel até campeonato de som automotivo. Os demais municípios, que não criam atrativos turísticos, mandam seu povo para gastar dinheiro em Alto Paraíso.

++++

TÁ DITO.

BERON

Enquanto acompanhamos o desenrolar da novela “Beron – O Resgate do Cheque Voador”, vemos os críticos tentarem interferir no desenrolar da história, querendo atribuir a Fulano ou a Beltrano a culpa pela bancarrota. Ora, quem leu o script original sabe que o culpado, que poderá ser revelado ao final, não será nenhuma novidade, mas o óbvio: Os culpados foram aqueles que determinaram que o Beron se transformasse em instrumento político de financiamento de campanhas eleitorais, via aparentes negócios bancários, com a diferença que eram a fundo perdido. E põe perdido nisso.

++++

REFERÊNCIA

“Abrindo o portão, é uma porta amarela. É só seguir o muro”. Chegando ao local, aberto o portão, descobrimos que todas as portas eram amarelas e as chaves fornecidas não abriam nenhuma delas. Parece coisa da história da “Alice no País das Maravilhas”.

++++

MOAGEM

Aconteceu de novo. A pessoa chega a Porto Velho e o celular não funciona. Acompanho até uma autorizada ou genérica qualquer, a que estiver no caminho. A atendente pega o aparelho, digita um monte de códigos e não acontece nada. Aí ela retira a bateria e o chip e os recoloca, liga o telefone e... Trimmm, trimmm (não sei imitar esses milhões de ringtones). Pronto. O representante do Banco Mundial, um angolano cujo nome esqueci, quis pagar e a garota não recebeu, então ele perguntou qual era o defeito. A resposta foi altamente técnica: “Nada, só moagem!”. E para explicar a ele o que era moagem?

++++

TRILHA – DISCO 2

A música que nos embala e inspira hoje é "Papel Machê”, com João Bosco. A letra, do Capinam, é uma homenagem à mulher de Bosco, que trabalha com este tipo de material.

++++

PETROBRAS

Entidades sociais de Rondônia enviaram 51 projetos para concorrer a financiamento pela Petrobras, no Programa de Desenvolvimento e Cidadania. O resultado final, apontando os projetos selecionados, será publicado até o final de março de 2008. A Petrobrás tem R$ 27 milhões para patrocinar projetos com custo de até R$ 690 mil.

++++

REFORMAS

Enquanto o Centro Político Administrativo não sai, está em reforma o prédio da Secretaria de Finanças – SEFIN, e onde funcionava a extinta Cohab, na rua Paulo Leal. O local estava desocupado há anos e só não foi invadido porque o Estado manteve uma equipe de vigilância particular “tomando de conta”.

++++

CAIXA REGISTRADORA SEM FUNDO

A Policia Militar comunicou aos carnavalescos de Porto Velho, na manhã de ontem, que eles devem pagar mais uma taxa aos cofres oficiais, se quiserem contar com a segurança do Estado. Trata-se do Fundo de Reaparelhamento da Polícia Militar do Estado de Rondônia (Funrespom). Tudo muito bem explicado, com gráficos, números e lágrimas brotando nos olhos dos presidentes e representantes das agremiações.

++++

BOLSO DE CARNAVALESCO NÃO TEM DONO

O Silvio Santos relacionou, por cima, algumas das taxas que já são cobradas dos carnavalescos: para a SEMA; ISQN; Semtran e da Emdur; segurança para os trios elétricos e alguns blocos (é preciso apresentar contrato registrado); taxa do "mijo"; ICMS da comercialização do abadá e muitas outras.

++++

LEGENDA

Observando os comentários de alguns leitores inseridos ao pé desta e- coluna e daqueles recebidos por emeio, estou quase convencido a copiar o exemplo do promotor Jackson Abílio, que publica após cada nota de seu boletim “O Requentado” um esclarecimento, oferecendo sinônimos e significados. Fora isso, a alternativa é parar de escrever esta e-coluna. Explicar piada é o ó.

++++

BYE.

14 de jan de 2008

PROLEGÔMENOS

Uma pirexia de origem desconhecida – febre amarela, febre cerebral, dengue, malária, tifo, gripe ou virose (seja lá o que for isso)? – me abateu sábado e domingo, fato agravado por eu ser um doente teimoso, que não gosta de medicamento ou de repouso. Algumas notas que já estavam preparadas para a coluna de sábado saem requentadas e atualizadas.

++++
E...

...praticamente dois dias sem saber de nada, ligo o computador, acesso a internet, abro os “favoritos” e as notícias continuam as mesmas que li na sexta-feira. Parece até aquela música do Roberto Carlos: "... Tudo estava igual / Como era antes /Quase nada se modificou...."

++++
ELE SABE

O Brasil já se candidatou a sediar o rali “Paris-Dakar”, depois que o evento foi suspenso por falta de segurança no trajeto no trecho africano. O anúncio foi divulgado ontem [sexta-feira] pela BBC Brasil, mas desde o dia 6 o colunista Tutty Vasques, do Estadão de São Paulo, tinha cantado a bola: “O Rali Paris-Dakar, que virou Lisboa-Dakar há alguns anos, pode ser disputado na América do Sul em 2009. Depois do Rock in Rio em Lisboa e em Madri, francamente, tudo é possível, né não?”

++++
FARC

Muita festa por pouco motivo. A libertação das duas reféns pelas Farc colombianas não representa nada perto da quantidade de pessoas seqüestradas pelos guerrilheiros. Segundo o jornal “El Tiempo”, de Bogotá, existem 774 reféns, sendo que destes, 730 estão retidos para fins de extorsão. A maioria, menores de idade, é obrigada a fazer parte do grupo armado. 44 retidos pertencem ao grupo denominado “canjeables”, do qual faziam parte Clara Rojas e Consuelo Gonzáles e servem, eventualmente, como moeda de troca

++++
TRILHA – DISCO 2

A música que nos embala e inspira hoje é "Homem-Aranha”, do Jorge Vercilo.

++++
TOCANTINS

O deputado Osvaldo Reis (pmdb-TO) apresentou projeto de lei para retirar o estado dele da área de abrangência da Amazônia Legal. Entre as justificativas ele argumenta que somente 1/10 da área do Tocantins tem as características do ecossistema amazônico, mas, pertencendo à Amazônia, há os impedimentos legais relativos à preservação da cobertura florestal. “A inclusão de Tocantins na Amazônia Legal é fruto de um conceito político, e não de uma imposição geográfica”, explica o deputado.

++++
RONDÔNIA, TAMBÉM

Não sei a proporção, mas Rondônia se enquadra no mesmo argumento do deputado tocantinense. Além disso, a nossa colonização é sulista; o cerrado representa um percentual considerável do território e há uma tendência à expansão do cultivo de grãos e aumento da pecuária de corte e leite.


++++
TOMAR DE CONTA

A atividade de flanelinha está crescendo de forma absurda. Em um desses domingos, ao chegar cedo à catedral, eram 6hs15, já havia guardador de carros a postos. Na Avenida Jatuarana, nas proximidades do Peg-Pag, crianças fazem biscate de tomador de conta de bicicletas. Mas essa história vem de longe. Certa vez o deputado Chico Paraíba me contou que, quando criança, tomava conta dos aviões que aterrissavam no aeroclube de Itaporanga, sua cidade natal.

++++
PÍLULAS ANTIBARRIGA

A publicação de uma nota sobre o lançamento de uma pílula antibarriga congestionou os telefones da redação do Diário da Amazônia esta semana. De ginástica, que é bom, ninguém quer saber...

++++
NÃO SABEM

Há pelo menos dez dias muito se fala na Imprensa que a Oi está comprando a Brasil Telecom. Informam, inclusive, o valor da transação. Li na Exame a declaração da Agência Nacional de Telecomunicações – ANATEL, sobre o assunto: “Não sabemos de nada”. Repito a pergunta: Para que servem estas Agências, além de cabide de empregos?

++++
FAIXA

Aviso de uma escolinha: “Matricúlas abertas - Maternal, pré 1 e 2, 1° ano e creche”. Fujo!

++++
MIAMI VICE

Os novos policiais, que estão patrulhando as ruas, passados a pronto recentemente, além dos uniformes novinhos em folha, desfilam com cada par de óculos escuros, que vou te contar... Nem na antiga série de TVE “Miami Vice” eu via ‘telas’ tão fashions.

++++
DOM MOACYR

No próximo sábado, 19, Dom Moacyr Grechi, bispo arquidiocesano de Porto Velho aniversaria. Uma missa em ação de graças será celebrada na Catedral às 19 horas.

++++
EFÍGIE

Já que comecei com assunto, vou até o final. O Pe. Emílio, conformado com a certeza de que não vai recuperar a efígie em bronze do padre João Nicoletti, roubada há uma semana da praça da Catedral, vai mandar fazer outra sem valor comercial, em latão, e instalar no lugar daquela que foi furtada e trocada por merla. O meu medo é que roubem essa nova escultura em latão para fazer cachimbo para fumar crack.

++++
PE. NICOLETTI

No ligeiro perfil que publiquei aqui sobre o padre João Nicoletti, omiti (por ignorância) que foi ele o responsável pela construção, em alvenaria, da capela de São Francisco, na rua Campos Sales, com Pinheiro Machado.

++++
TONHÃO

Após denúncia veiculada pela Imprensa, a Semusp mandou “bater” o mato que tomava o cemitério de Santo Antônio. “Bater” é um sistema em que o capim é separado por feixes, usando-se uma varinha com uma forquilha em uma das extremidades e cortado com terçado.

++++
INFELIZMENTE

Infelizmente o nosso vice-presidente, José Alencar, subiu no telhado.

++++
PARA NÃO DIZER...

Dois fatos deste domingo que podem mudar o futuro da Humanidade: 1 - A Agência G-1, do Globo, noticia que o papa Bento XVI rezou missa de costas para o público, prática abandonada na década de 1960. 2 – O comentarista local exaltava o Genus – nosso representante na Copa São Paulo – e dizia que o time não ganhou nenhuma partida, mas a diretoria tem ganhado experiência na administração do clube. Ah!

++++
ESTOU SURDO COM TANTO SILÊNCIO.

11 de jan de 2008

FRASE

“Eu pedi água, mas me trouxeram uma ‘gela’. Vou beber assim mesmo”. Misteria, um dos intérpretes da Asfaltão, fazendo um sacrifício danado durante o ensaio da escola de samba.

++++
BOOM IMOBILIÁRIO

A ocupação das terras da Prefeitura de Porto Velho, onde seriam construídas casas populares, está se expandindo além da área do cemitério virtual dos Amigos da Madeira-Mamoré. Alguns invasores já constroem barracos no antigo lixão, que ficava próximo à cachoeira de Santo Antônio. Mais da metade dos “novos moradores” já possui residências. O cheiro de armação política está cada vez mais forte.

++++
BOOM IMOBILIÁRIO – 2

Mais quatro mil apartamentos, destinados a pessoas da classe média, começam a ser construídos em Porto Velho ainda este ano. São construtoras de outros estados que enxergam em Porto Velho grandes oportunidades de negócios.

++++
HORA H

Contrariando os pessimistas de plantão, esta é a hora ”H” de Rondônia, como nos anos 80/90 foi a vez do Tocantins. Empresários de todo Brasil e do exterior estão sondando e vendo onde comprar áreas para implantação de empreendimentos ou para vendas futuras no Estado. Aqueles que vêem só os próprios umbigos serão apanhados de surpresa e tentarão sair da letargia quando for tarde demais. As usinas do Rio Madeira são apenas um dos fatores de aceleração do desenvolvimento regional. Atentai bem.

++++
E FALANDO NISSO

Gostei da cobertura do rompimento da barragem em Pimenta Bueno. Me senti no primeiro mundo. As notícias usavam palavras só vistas em matérias internacionais, como tsunami, tromba d’água, pororoca, onda gigante, onda de cheia e ainda disseram que a inundação poderia provocar até banzeiros! Eita!

++++
EXAGERA’L’DO

A cobertura da “catástrofe” de Pimenta Bueno fez lembrar um episódio protagonizado por mim, não sei em que ano (89/90?). Assessorava o então vice-governador Orestes Muniz, e fomos visitar o plantio experimental de algodão em Planalto São Luiz, município de Cabixi, onde a terra fértil propiciou uma produtividade acima da média nacional.

++++
EXAGERA’L’DO – 2

Fiz o release contando a visita do chefe e destacava o pioneirismo da cultura, ressaltando o fato da alta produtividade local e mais nada. O assunto rendeu a manchete principal de um jornal de Porto Velho e muita gozação da parte do ajudante de ordens do vice, naquele tempo o capitão (hoje coronel RR) Alcir: “Esses jornalistas botam fermento em tudo. Nós vimos um armazém com meia dúzia de sacos e o cara escreve que o algodão é futuro do Estado...” Desnecessário dizer que não consegui convencer sobre a minha inocência na autoria da chamada do jornal. Fiquei com a fama de exagerado.

++++
DESPROPORÇÃO

O episódio envolvendo duas ou três lanchas iranianas e a esquadra de guerra norte americana, no estreito de Ormuz, é semelhante, em (des)proporção, à “catástrofe” de Pimenta Bueno. Eu, hein?

++++
NÍVEL

Curiosidade: No dia 10 de janeiro de 2007 o Rio Madeira marcava na régua de medição o nível de 12 metros e uma vazão de 23.475 m³/segundo. Ontem, o Madeirão estava a 12,56 m, com vazão de 25.254 m³/segundo. Há três dias o rio se mantinha no mesmo nível. Podem voltar a respirar. O mundo ainda não acabou.

++++
CARNAVAL

Visitei o ensaio da Escola de Samba “Asfaltão”, que levará à avenida o samba de enredo “Fé, Misticismo, Samba e Boemia, Asfaltão canta Santa Bárbara”, de Bainha, Oscar e Zé Baixinho। A escola conta sair com 800 brincantes. Neste sábado será promovida uma feijoada no Kabana’s, a partir das 12 horas, com o concurso da madrinha da bateria. O Sílvio Santos, presidente da FESEC, também prestigiou o ensaio.




++++
CARNAVAL – 2

A Polícia Militar, através da Coordenadoria Regional de Policiamento, está convidando os responsáveis pelas escolas de samba e blocos de Porto Velho para uma reunião no dia 15, às 9 horas, no auditório do Comando Geral, na Avenida Tiradentes.

++++
QUEM É QUEM?

Há poucos dias um senador da oposição perguntou a Eduardo Suplicy (PT-SP) os nomes dos 38 ministros do governo Lula. A resposta foi um sorriso amarelo. Regionalizo e municipalizo a pergunta. Alguém se candidata a responder?

++++
SEM ANESTESIA

Estive em determinado bairro onde os carapanãs e os piuns ‘domésticos’ não fazem qualquer cerimônia, nem perdem tempo sobrevoando a vítima alertando-a com aquela zoada infernal. Eles escolhem o pedaço de carne exposta e atacam com voracidade. Não há repelente – o mais fedorento que seja – que dê jeito nos vampiros. Estou cheio de gondós pelos braços, pernas e pescoço.

++++
EM TEMPO

Cumprimento ao Valbran Junior e ao Sílvio Santos, que se tornaram “bichos” da Unir. Parabéns amigos.

++++
ONIBUSLÂNCIA (OU SERIA AMBULÔNIBUS?)

Lembram daquele acidente envolvendo uma ambulância, que transportava oito pessoas? Ontem, quando passava nas proximidades do Pronto Socorro João Paulo II, vi desembarcarem de um veículo pintado de branco, com cruzes vermelhas nas laterais e um giroscópio no teto, cinco pessoas carregadas com bagagens, travesseiros e colchonetes. Não deu tempo de ver a origem do veículo.

++++
TRILHA – DISCO – 2

A música que nos embala e inspira hoje é “We’ve only just begun”, Carpenters, relembrada ontem – em boa hora – pelo Ricardo Noblat. E nós apenas começamos. Sorry, periferia.

++++
PILHA

O portal Terra dá conta de uma pilha, inventada pelos japoneses, que funciona a partir de uma reação de magnésio, carbono e qualquer líquido, que pode ser urina ou saliva. Fiquei pensando no cara, bebum, tentando acertar o jato no orifício da pilha AAA (pilha palito) e a reação das substâncias químicas da bateria com a urina alcoolizada. É a bomba que a Al Qaeda gostaria de explodir em Washington D.C.

++++
FIRME COMO PREGO NO MANTEGA

10 de jan de 2008

RUA DA LUA


A ‘Rua da Lua’, no bairro Floresta, ficou tristemente célebre neste inicio de ano. A Imprensa a destacou por dois motivos: Por não constar no Código de Endereçamento Postal dos Correios, o CEP; e, outra, por ter suas crateras expostas como obstáculos ao trânsito de pessoas e veículos. Mas uma lua sem cratera ficaria esquisita (P. S.: Nos Correios, o nome certo é ‘Rua Lua’, CEP 78912-110. “Da Lua” é gente lesa, diz que ele).


++++

PROJETOS


O setor de responsabilidade social da Petrobrás está aguardando até amanhã, sexta-feira, a inscrição de projetos para o Programa de Desenvolvimento & Cidadania. A estatal dispõe de R$ 27 milhões para dividir entre as instituições que forem selecionadas. Como sempre, a Região Norte - pobre quissó - tem o menor número de projetos inscritos. Depois choram que não vem nada para cá.

++++

DO CORRESPONDENTE

Ciro Pinheiro passa as férias em Fortaleza, mas não se desliga da terrinha de cá. Ele lembra que nos anos 70, os avisos para o beradão e interior do Estado, via rádio, eram assim: “Atenção Dona Chiquinha... Seu Manel avisa que o numerário está indo pelo batelão Santa Maria. Avisa que dona Maria morreu, mas ta tudo bem!!! Pedimos a quem tiver ouvindo esse aviso transmitir o mesmo à mesma”.


++++

DO CORRESPONDENTE – 2
Em uma fazenda, próximo a Fortaleza, o Ciro fotografou um menino de 4 anos bebendo leite diretamente da fonte: o úbere da vaca. Não sei por que ao ver a foto me lembrei de algumas personalidades públicas. Acho que foi só uma livre associação de idéias.



++++

HEIN?

No programa da Ana Hickman na Rede Record, esta semana, fizeram uma pergunta considerada “dificílima” pelos os participantes: “Porto Velho é a capital de que Estado: Rondônia, Roraima ou Acre?” Vão-te à.... (Isso mesmo que você pensou).



++++

CONSTATAÇÃO



Já não resta praticamente nada da Lei Complementar n° 224, de 4 de janeiro de 2000, criada para enxugar e atualizar a máquina estatal, adaptando-a a Lei de Responsabilidade Fiscal. Jaoera.

++++

JIRAU



Marcado para o dia 9 de maio o leilão da usina hidrelétrica de Jirau, a ser construída no Rio Madeira. O preço teto deverá ser inferior ao de Santo Antônio. A Agência Nacional de Energia Elétrica, apesar de marcar a data do certame, informa que as diretrizes do leilão serão fixadas pelo Ministério de Minas e Energia, antes da elaboração do edital. Enquanto isso, o consórcio que ganhou a concessão para construir a Usina de Santo Antônio, já está se movimentando.

++++

EI!

Uma ou duas barragens romperam no Estado neste início de semana. Disseram que poderão formar ‘banzeiros’... Olhaí, olhaí... Revanchismo, não! Não tenho nada com isso...

++++

Colônia de quê, MESMO?

Entre as atividades oferecidas no programa de colônia férias na rede municipal de ensino, uma das mais procurada, em algumas escolas, pelas crianças infelizmente, é a tal da “dança da piriguete”. Soube disso ontem e é uma coisa que, se eu morresse sem ter tomado conhecimento, não faria a menor diferença para onde quer que eu fosse.

++++


Adiada desde novembro, a visita do presidente Lula a Cuba ocorre nos dia 14 e 15 de janeiro. A agenda prevê o de sempre: promoção do biocombustível, do etanol e etc, além do pedido de benção a Fidel, o Eterno.

++++

DE VOLTA

O grupo Uniron deverá receber de volta a Rádio Cultura, que foi arrendada há alguns meses. Enquanto as rádios FM não se organizarem por segmentos, vai ficar essa zorra, onde ninguém é de ninguém e o ouvinte dança, mas sem música. Na faixa AM, a Caiari é dirigida ao público católico e a Boas Novas ao público evangélico. Simples e sem confusão.

++++

ÁGUAS

Falando nisso, a empresa de água mineral ‘Kaiary’, sob nova direção, está dando um ‘review’ em seus produtos, mudando rótulos, conceitos e tudo mais.

++++

OAB

Um assunto puxa outro. Parabéns ao amigo Ricardo de Sá Vieira, que assumiu (interinamente) a presidência da subsecção da OAB de Ji-Paraná. Gente boa e competente.

++++
AMARELA


A febre amarela já está matando macacos em Ji-Paraná. É hora de vacinar.

++++

TRILHA – DISCO 2

A música que nos embala e inspira hoje é "Trem Azul”, do Lô Borges e Ronaldo Bastos, na interpretação da Elis Regina.


++++

HEIN?

E o José Simão diz que o presidente Lula “acaba de lançar mais um imposto: “IPOD – Imposto sobre Praias, Ondas e Derivados”. Daí a minha preocupação: Os Banzeiros podem ser considerados derivados dessas ‘ondas’. E aí???

++++

PORTOVELHÊS

Quem não leu, ainda dá tempo de ler a coluna “Agenda de Repórter”, do Nonato Cruz, publicada na edição de ontem (9/1), no Estadão de Rondônia. Recomendo.

++++

RODÍZIO



Em uma pizzaria da cidade, a estranha oferta: “Rodízio de pizza com pula-pula”. Entendi assim: Você começa a comer no rodízio, depois vai para o pula-pula e “soca” tudo, voltando para a mesa em seguida. Ou: Você come até se enfartar e depois vai para o pula-pula e se infarta.

+++

É HOJE!

Hoje, 10, é o dia do repasse dos recursos da União para estados e municípios. Vamos ver no que vai dar o affair Beron.


++++

VOU PRÁ MARACANGALHA, LÁ SOU AMIGO DO REI.