22 de mar de 2015

NÃO ENTENDI

A campanha de desestabilização de Emerson Castro na Casa Civil prossegue. A Imprensa caripuna escala, dia após dia, novos "candidatos" ao cargo. O pior não é tirar o Emerson, o ruim são alguns dos "candidatos" que são apontados ao governador.

- Tomás Correia - Presidente da Executiva do PMDB-RO, já disse várias vezes que não quer. Prefere cuidar de seu rebanho de vacas de leite;
- Valdemar Albuquerque - Chefe de Gabinete do governador - Bom conciliador, já resolveu impasses, como fechamento de BR e outras manifestações. Não sei o que pensa;
- Deputado federal Nilton Capixaba - Acusado de envolvimento no escândalo das ambulâncias. Nestas eleições (2014), foi denunciado por ter feito campanha em uma igreja evangélica;
- Valdivino Tucura - Ex-deputado (8.170 votos, 1%) - Seria um prêmio de consolação?
- Kaká Mendonça - Ex-deputado estadual, encalacrado até o pescoço (e olha que o cara é alto) com várias acusações. Não sei o que o governo ganharia nomeando ele para a Casa Civil.
- Chiquinho da Emater - Foi candidato a deputado estadual (8.946 votos, 1,09%). É uma liderança do município de Cabixi e ex-prefeito, além de ser pessoa da confiança do góvi, mas distante dos bastidores palacianos e "assembleianos".

No balanço do custo-benefício...

Nenhum comentário: