27 de fev de 2015

NA FILA DO BANCO

Não tive como não ouvir a conversa que reproduzo a seguir. Eu estava entre os dois "cientistas políticos". A conversa durou alguns minutos, pois a senhora que estava no terminal parecia não conseguir enxergar a tela e o teclado do equipamento. O homem que estava depois de mim na fila perguntou ao que estava na frente (notei que já se conheciam):

- Você viu, estão querendo cassar a Dilma?
- Ah! Não vão conseguir. E depois, botar na mão do Temer???
- Mas o Temer vai [ser cassado] junto...
- Então piora, aí fica esse Cunha [deputado Eduardo Cunha, presidente da Câmara dos Deputado], que apareceu aí, tem o Renan Calheiros... É como aqui no Estado e em Porto Velho. Tira o Confúcio e deixa o sindicalista Daniel Pereira ou o Maurão - Deúsolivre -; tira o Mauro e deixa o Dalton di Franco ou o Bengala [presidente da Câmara de Vereadores]... É melhor deixar como está.
- É mesmo... Vai lá, a mulher saiu...

É. O que dizer? (Foto Saudefloripa33pj)

Nenhum comentário: