8 de fev de 2015

UM RECADO DIRETO (OU DE QUEM É A CARAPUÇA?)

Não sei para quem foi, mas o recado enviado pelo 'Blog do Confúcio' é uma carapuça sob medida.
(Ilustra Seara News)
Vamos ao recado:

"[...] E mais outra: quem foi eleito fui eu. Ninguém votou em secretário. Não tem esta de chegar numa secretaria ou autarquia como se você um rei de roma. O nosso governo tem metas e projetos prioritários. O governo sabe o que tem que fazer. Ninguém tem o direito de ficar experimentando coisas. As cobranças são mensais. A nossa mídia deve valorizar a expressão: GOVERNO DE RONDÔNIA [...]"

O "recado" completo está aqui.

Uma outra coisa que não entendo (ou entendo?) é 'sapo de fora dando palpite' em quem deve ser secretário e quem deve deixar o governo. Os argumentos - tanto para uma, quanto para outra coisa - são subjetivos e pessoais, portanto, não se sustentam.

Nenhum comentário: